"Nada torna, nada se repete, porque tudo é real."
*Alberto Caeiro

terça-feira, março 25, 2008

Quando me sento numa sala de cinema é para me emocionar



O filme de Nadine Labaki é perfeito. As doses certas de açúcar e a intensidade de suficiente para não queimar.

Em lume brando:




Sem derrreter em demasia:




Caramel: Site oficial

Ontem foi:

About me:

A minha foto
a entropia é a minha religião. alterno a leitura da bíblia com a interpretação de mapas e mãos. bebo, preferencialmente, azul. tenho, ainda, o hábito de escrever cartas_

Sopra-me ao ouvido: