"Nada torna, nada se repete, porque tudo é real."
*Alberto Caeiro

terça-feira, abril 08, 2008




I stand on the edge of a broken sky
And I'm looking down, don't know why
And if I should fall, would you hold me?
Would you pass me by?
Oh, you know I'd ask you for nothing
Just to wait for a while


Portishead, Hunter, Third 08

estranho.entranho.estranho.entranho.estranho.entranho.entranho.

1 comentário:

Poppie disse...

eu diria antes... real, real, real demais...

Ontem foi:

About me:

A minha foto
a entropia é a minha religião. alterno a leitura da bíblia com a interpretação de mapas e mãos. bebo, preferencialmente, azul. tenho, ainda, o hábito de escrever cartas_

Sopra-me ao ouvido: